quarta-feira, 21 de março de 2012

Dados dos árbitros divulgados a partir dos Estados Unidos


site que disponibiliza informações pessoais dos árbitros portugueses está sediado nos Estados Unidos. Esta é a primeira conclusão retirada pela Comissão Nacional de Proteção de Dados, que abriu um processo na sequência da notícia do «Diário de Notícias». Os diferentes contextos legais são, de resto, um obstáculo à investigação.

Vítor Pereira fala em «ataque grosseiro»

«Este site não está sediado em Portugal, nem na União Europeia. Está sediado em Los Angeles, Califórnia. Os Estados Unidos não têm legislação sobre a proteção de dados. A Federal Trade Commision tem algumas competências, mas não sabemos se podem retirar esta informação. Ainda não os contactámos, por causa do fuso horário», revelou a secretária-geral da CNPD ao Maisfutebol e à TVI.

Isabel Cruz explicou ainda que é preciso aferir se o organismo norte-americano tem margem de manobra jurídica para retirar os dados dos árbitros do site, mas lembra que «a informação que está na internet nunca se esquece». «Já foi copiada, já está em blogues e redes sociais, e continuará a aparecer em motores de busca, por causa da cache. É impossível encontrarmos todos os rastos», acrescentou.

A secretária-geral da Comissão Nacional de Proteção de Dados referiu ainda que estas informações pessoais (moradas, contactos telefónicos, números de identificação fiscal e bancária, etc) «existem em várias entidades, pelo que pode ter sido alguém de dentro, que acedeu legalmente e divulgou ilegalmente, ou alguém que acedeu do exterior».

In:MaisFutebol

Reacções:

0 comentários: