segunda-feira, 14 de maio de 2012

Fuga de informação pode tramar Proença

A notícia prematura da nomeação dos árbitros portugueses Pedro Proença, Bertino Miranda, Ricardo Santos, Duarte Gomes e Jorge Sousa para a final da Liga dos Campeões, que vai opor o Bayern Munique ao Chelsea, está, apurou A BOLA ONLINE, a causar apreensão na arbitragem.

Tudo porque a equipa escolhida pela UEFA recebeu indicação expressa para guardar absoluto sigilo até ao próximo dia 17 — aliás, no final do jogo Moreirense-Covilhã, Pedro Proença só confirmou ter ordem para não falar —, quando o organismo que tutela o futebol europeu fará o anúncio formal.

De acordo com várias opiniões recolhidas junto de elementos ligados à arbitragem nacional, teme-se agora que esta fuga de informação seja mal recebida em Nyon e que, no pior dos cenários, as consequências possam ser desastrosas, conduzindo à não confirmação destas nomeações, num processo que está a ser conduzido pelo italiano Pierluigi Collina, membro do Comité de Arbitragem da UEFA, presidido pelo espanhol Angel Maria Villar.

In:BOLA

Reacções:

0 comentários: